Sala de ImprensaNotícias

Lista de Noticias
27.06.2012
Caminho aberto

Entre as obras que compõem o complexo do Estaleiro e Base Naval do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB-EBN), foi projetada a construção de um túnel de 703 metros de extensão e 15 metros de altura, passando por dentro de um morro e conectando os dois setores.

O túnel está em fase avançada de construção. Em abril, foi realizada a última detonação, que abriu a passagem entres as áreas norte e sul. A cerimônia contou com a presença de representantes da Marinha do Brasil, do Consórcio Itaguaí Construções Navais (ICN), da empresa francesa DCNS e da Odebrecht Infraestrutura, responsável pelas obras civis. Na ocasião, foi concluída a seção superior do túnel, de sete metros de altura.

Para que o túnel alcance a altura prevista em projeto, é preciso rebaixá-lo oito metros, através da escavação do piso atual. Cerca de 200 metros da extensão já foram rebaixados, por meio de detonações e escavações.

Sérgio Martins, Gerente responsável pela obra, garante que o grande desafio está do lado de fora do canteiro. Circundado pela comunidade da Ilha da Madeira, em Itaguaí, Rio de Janeiro, o túnel fica a pouco mais de 100 metros de algumas casas. “Realizamos trabalho noturnos, detonações subterrâneas e a céu aberto, bloqueamos o tráfego.

Esses tipos de ações geraram reclamações”, comenta Sérgio. De acordo com ele, a boa comunicação e os cuidados com a segurança dos moradores facilitaram o relacionamento. “Felizmente, temos mitigado esses fatores de forma bastante positiva, contando com o apoio da equipe de Responsabilidade Social do projeto”, salienta.

Estima-se que a obra do túnel esteja totalmente concluída no fim de setembro deste ano.